quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Caminha até mim...


Segue as linhas do destino...
Traçadas no meu olhar...
Até mim...

2 comentários:

O Profeta disse...

Frágil e palpitante luz
A beleza é feita de ternos murmúrios
A voz quebra a quietude do silêncio
A chuva leva a terra ao encontro dos rios

Não há fracassos no sonho
Caminhei nas nuvens para te ver do alto
Abri os braços ao relâmpago
Desci à terra, senti nos pés o frio basalto


Vem comigo escolher o caminho


Mágico beijo

ci disse...

o profeta- lindo como sempre...

beijo da ci