terça-feira, 1 de setembro de 2009

Cansada...



Estou vazia, cansada,
De viver de sonhos perdidos....
De amor não correspondido,
De viver de magoa...
Hoje tenho o coração carbonizado,
Os sonhos apagados...
De mim restam cinzas de sonhos,
Que me pareciam tao reais...
Tão possiveis...
A vida leva-me a entender,
Que nada faz sentido,
Eu não faço sentido...
Não tenho lugar aqui,
Nem em qualquer lugar do mundo...
A tristeza contra a qual tanto lutei,
Em cada dia, em cada momento,
Consome as poucas forças que ainda tenho...
As lagimas ja não me limpam a magoa,
A fome desapareceu do meu corpo...
Para quê tanto sonhar?
Para acabar assim...
Sinto-me a morrer aos poucos...
Os meus gitos não se ouvem,
Porque ninguém os quer ouvrir...
Porque não sou nada...
A coragem que em tempos não tive,
De acabar com tudo...
Esta aqui...
Tudo tem um fim...
Da minha passagem neste mundo,
Nada ficara...
Porque nada fui para ser lembrado...

2 comentários:

Vieira Calado disse...

Oh, amiga!

Não seja tão pessimista...

Ainda agora estamos no 1º do mês...

Bjs

Marlene disse...

Quem nunca pensou e passou por esta fase um dia?
Estas a ver a foto que colocaste? Quando vieres, vamos lá de novo recarregar energias...