domingo, 25 de junho de 2017

Amor "maior"

O silêncio que se fez
Nas palavras certas
Que não te escrevi 
Colhem o amor {maior}
Que te tenho

Talvez nunca venha a dizer
As vezes suficientes 
Que te amo
Ou talvez não precise 
Simplesmente de o fazer
Porque te vivo 
Em cada amanhecer 
Partilhado ao teu lado

Hoje volto aqui
Para sussurar 
Um pouco de tudo 
Porque o nada 
Já não estremece 
E a vida me deu
O amor  {maior} do mundo
O nosso!

{Ai como te amo!}

Nada é eterno
Nem tem que ser 
Apenas esta vida me chega
Para te ter ao meu lado

{Sabes que não te largo}

E {ternamente} tua serei 

Cidália Oliveira

Texto & Fotografia






Sem comentários: